Dedicado a Juvêncio de Arruda. Para quem Belém, pelo abandono, pela incivilidade pública, pela destruição sistemática da esperança de cidadania - embora ele lutasse permanentemente por ela - deixou de ser Santa Maria de Belém do Grão Pará.

 

 

Aproveitando o sucesso da novela das Índias, que dá grande relevo aos costumes, listei alguns da nossa Belíndia. Aí vão:
 
 
1 – se você estiver a dez metros de um raríssimo cesto de lixo, não espere: jogue seu papel de picolé ou lata de cerveja no chão.
 
2 – se você estiver atravessando a rua e vier um veículo qualquer (ônibus, moto, carro, bicicleta), corra, pois ao invés de diminuir a marcha, ele acelera;
 
3 – se for você o condutor do veículo acima, continue acelerando, para ganhar o campeonato de boliche;
 
4 – se chegar a um balcão (padaria, loja do shopping ou baiúca da esquina) não se aborreça: faça de conta que está esperando o metrô até alguém perguntar-lhe – ou não – o que deseja.
 
5 – continue nunca cumprimentando o motorista do ônibus, a atendente da farmácia, o motorista do táxi: todos admiram a sua baixa educação e seu evidente mau humor;
 
6 – não exija troco miúdo nas lojas, mercearias, farmácias, supermercados: pensarão que você é um durango kid;
 
7 – visite vizinhos, amigos, parentes e aderentes sem avisar: respeito à privacidade alheia é coisa de inglês;
 
8 - nas eleições, vote no pior candidato, pois,  no mínimo, ele vai contribuir para que você reveja seus conceitos: tudo sempre pode piorar;
 
9 – aceite sempre a indicação do moço do balcão da farmácia que acha que a receita do seu médico está errada;
 
10 –NUNCA reclame seus direitos em voz alta, em lugar algum. Se fizer isto num  supermercado ou nos bons hospitais da cidade, você será passível de linchamento, com total apoio da platéia do entorno.
 
 

Com a valiosa colaboração de Belenâmbulo, nos comentários, atualizamos hoje, 28 de agosto:

 

1 - Ficar na fila do caixa-rápido do supermercado com a cestinha entulhada com 58 volumes de compras (afinal os caixas são destinados a atender aos portadores da valiosa "cestinha", não importando o quanto ela carregue)


2 - Compartilhar com todos os vizinhos num raio de 100m o seu refinado gosto musical, especialmente nos fins de semana


3 - Estacionar o carro em QUALQUER local, respaldado pela imunidade do pisca-alerta


4 - Dar R$ 1,00 ao cobrador pela passagem que custa R$ 1,70, para ter o direito de descer sem passar pela catraca (ganha tu, ganha eu... quem perde?)


5 - Ganhar tempo no trânsito, trafegando pelo acostamento


6 - Andar de moto sem capacete, protegido pelo cartão telefônico que cobre a placa do veículo


7 - Valorizar o patrimônio regional (depois que ele aparece em noticiário nacional, é claro!)


8 - Coletar as plantas ornamentais dos logradouros públicos


9 - Submeter-se ao pior atendimento do mundo, para frequentar o point do momento


10 - Orgulhar-se de qualquer transgressão em que leve vantagem

 

 

 

Mais uma colaboração nos Comentários  (31 de agosto):

 

Fazer retorno imaginário, numa rua de mão dupla, tomando cuidado, é claro, para não atingir a viatura do cidadão de educação para o trânsito similar a sua...

 

 

 

publicado por Adelina Braglia às 16:55 | link do post
Que tal:
1 - Ficar na fila do caixa-rápido do supermercado com a cestinha entulhada com 58 volumes de compras (afinal os caixas são destinados a atender aos portadores da valiosa "cestinha", não importando o quanto ela carregue)
2 - Compartilhar com todos os vizinhos num raio de 100m o seu refinado gosto musical, especialmente nos fins de semana
3 - Estacionar o carro em QUALQUER local, respaldado pela imunidade do pisca-alerta
4 - Dar R$ 1,00 ao cobrador pela passagem que custa R$ 1,70, para ter o direito de descer sem passar pela catraca (ganha tu, ganha eu... quem perde?)
5 - Ganhar tempo no trânsito, trafegando pelo acostamento
6 - Andar de moto sem capacete, protegido pelo cartão telefônico que cobre a placa do veículo
7 - Valorizar o patrimônio regional (depois que ele aparece em noticiário nacional, é claro!)
8 - Coletar as plantas ornamentais dos logradouros públicos
9 - Submeter-se ao pior atendimento do mundo, para frequentar o point do momento
10 - Orgulhar-se de qualquer transgressão em que leve vantagem
Belenâmbulo a 28 de Agosto de 2009 às 02:50
Ótima postagem!
Acrescente-se: fazer retorno imaginário, numa rua de mão dupla, tomando cuidado, é claro, para não atingir a viatura do cidadão de educação para o trânsito similar a sua...
Virótica a 30 de Agosto de 2009 às 22:53
Um retrato 12 x 36, de Juvêncio de Arruda está aqui
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
14
15
16
17
18
19
20
22
23
24
25
27
28
29
30
31
links
comentários recentes
http://www.jogosonlineparajogar.com/
Blog muito bom !
Verifique a possibilidade de publicar em seu blog,...
Pôxa, obrigado pela visita lá. Ontem estava cansad...
Ótima postagem!Acrescente-se: fazer retorno imagin...
Que tal:1 - Ficar na fila do caixa-rápido do super...
Gostaria de mandar uma informação importante, se p...
Papai me pediu para postar nos blogs importantes e...
Seja bem vindo, Jeferson. É um prazer saber que vo...
Olá, tudo jóia? Te agradeço por teres feito um blo...
arquivos
pesquisar neste blog
 
Um retrato 12 x 36, de Juvêncio de Arruda está aqui